AfrikaansArabicChinese (Traditional)DutchEnglishFrenchGermanHebrewHindiItalianJapaneseKoreanPortugueseRussianSpanishTurkish

A Kabbalah (Cabala)

Arvore cabalista

O que é Kabbalah ou Cabala

(arvore da vida cabalística)

Parte I

A Kabbalah ou (Cabala) é baseada nos ensinamento do Livro do Zohar, escrito  há cerca de 2000 anos. Este livro é uma interpretação do manuscrito cabalístico mais antigo, chamado Livro da Formatação, de autoria do cabalístico do patriarca bíblico Abraão, que foi o primeiro cabalista.

Ele compreendeu que o mundo inteiro está interligado com uma rede, e que os eventos de um lado do planeta afetam a vida das pessoas do outro lado. A Cabala ensina que não existem coincidências.

O universo é regido por leis espirituais precisas, de causa e efeito, ação e reação. Tudo o que acontece em nossas vidas foi causado por acontecimentos anteriores– seja nesta vida ou em vidas passadas.

A Sabedoria Universal

Embora tenha uma origem judaica, a Cabala é uma sabedoria universal, e qualquer pessoa pode estudar o Zohar e aplicar seus ensinamentos no dia a dia. Todos os seres humanos querem ter uma vida plena, com felicidade, saúde, bons relacionamentos e paz de espírito. É exatamente isto que a Cabala nos ajuda a receber. Para isto, ensina a Cabala temos que estar sempre numa consciência positiva e de compartilhar. “Receber para compartilhar”, este é um dos lemas principais do Zohar. Só dando podemos criar uma afinidade com a Força da Luz do Criador e receber suas dádivas.

A Arvore cabala símbolo judaico

Segundo o Zohar, o Criador é uma força infinita de compartilhar o bem. Os cabalistas chamam esta força de “Luz “. Assim como a luz do sol ou a luz física, esta Luz metafísica e espiritual que emana do Criador tem a característica de se expandir e compartilhar infinitamente. A humanidade e todos o universo surgiram como o receptor cria-o para que a Luz pudesse manifestar sua essência de compartilhar o bem. Em outras palavras, fomos criados para receber o bem infinito, para sentir prazer e para proporcionar ao Criador a satisfação de compartilhar conosco.

O Pão da Vergonha

Sendo assim, como pode existir o mal, a dor e o sofrimento? A resposta está naquilo que os cabalistas chamam de “Pão da Vergonha” é o sentimento percebido por uma pessoa que recebe algo bom sem ter feito nada para merecer. É um embaraço que o receptor sente e que o impede de encara o seu benfeitor. Foi isto que nós, o receptor criado para receber a Luz infinita, Sentimos antes do Big Bang.

Fomos criados para receber plenitude, mas não tinhamos feito nada para merecer este bem. Sentimos o “Pão da Vergonha”, e então falamos para o Criador que nossa satisfação só seria completa se pudéssemos ser a causa dela, e não um mero efeito. A Luz então se restringiu, e o nosso mundo físico foi criado. Como descreve a Ciência, e a antiga Cabala concorda, ocorreu o Big Bang. O universo é o espaço que precisamos para expressar o nosso livre arbítrio e ser a causa de nossa própria plenitude.

Mandala judaica cabalista

PARTE II

A Cabala nos dá o entendimento e as ferramentas para  trazer esta Luz para nossa vida. Gradualmente, o  estudante  de Cabala se eleva para níveis mais altos de consciência, o que traz, paulatinamente, mais Luz para sua vida. O objetivo da Cabala é melhorar a vida das pessoas. Uma analogia feita pelo cabalista Rav Berg, diretor mundial do Centro de Cabala e o principal cabalista de nossos tempos, compara o uso da Cabala com o que acontece quando ascendemos a luz num quarto escuro. Assim que acionamos o interruptor, imediatamente a escuridão desaparece. A escuridão é como o caos e os problemas que cada pessoa enfrenta. O Zohar e a Cabala são o interruptor que, quando acionado , traz Luz Espiritual e iluminação para a vida.

Cabala – Luz Espiritual

Durante milênios, o Zohar foi considerado um livro místico. Sobre isto, diz o livro “O poder da Cabala” de Rabi Yehuda Berg:

“Em retrospecto, o motivo é óbvio. O Zohar expõe ideias e conceitos que estavam séculos à frente de seu tempo. Numa época em que a  ciência determinava que o mundo era plano, o Zohar descreve nosso planeta como sendo esférico, com pessoas vivendo o dia e a noite em zonas do tempo diferente. O Zohar descreve o momento da criação como a explosão de um Big Bang.

Criação Universo explicado cabala

Na nossa época, no entanto, aquilo que poderia ser considerado misticismo ou ficção científica já se tornou realidade. Os avanços da ciência e da tecnologia, a relatividade de Einstein, a física quântica, a biologia celular, a genética, a internet e os incríveis progressos na área de telecomunicações facilitaram a compreensão e a divulgação de conceitos espirituais que antigamente eram restrito a um pequeno grupo de sábios. Hoje, todos podem aprender e entender os ensinamentos da Cabala. A Cabala nos dá o conhecimento e as ferramentas para atingir a tão sonhada felicidade, e até mesmo a imortalidade. Só depende de nós estarmos abertos.

No Zohar, o Criador diz:”Abra para mim uma pequena abertura do tamanho do buraco de uma agulha e Eu abrirei para você os portões celestiais”. O Criador quer nos dar tudo. Só temos que nos abrir para receber. Podemos embarcar agora na mais fascinante jornada da história humana, uma viagem de autoconhecimento e auto-aperfeiçoamento que nos possibilita atingir plenitude e felicidade.

Fonte: www.eifo.com.br


Postagens Relacionadas:

A História da Cabala e do Zohar

A Opinião de um Judeu sobre Inferno e Reencarnação

A Reencarnação no Judaísmo pela Cabala e o Zohar

A Reencarnação no Judaísmo

Tags:  Kabbalah, Zohar

Leave a reply