AfrikaansArabicChinese (Traditional)DutchEnglishFrenchGermanHebrewHindiItalianJapaneseKoreanPortugueseRussianSpanishTurkish

A segunda volta de Jesus e umas verdades inconvenientes

segunda vinda jesus e enganos dispensacionalistas

A Suposta segunda Vinda de Jesus

Essa doutrina da segunda vinda de Jesus é pregada por grande maioria das religiões cristãs. Mais não talvez na igreja primitiva e aqueles a qual conviveram com Jesus em sua época, por compreenderem alguns simbolos talves com toda certeza, não pensavam assim.

Outros mais tarde adulteraram muitos textos para harmonizar suas crenças pessoais com essa doutrina da segunda vinda pessoal de Jesus; a‘’parúsia’’.

O que é exclarecer por outros pontos nos evangelhos, que essa segunda vinda jamais deveria ser tão pessoal assim como muitos ainda creem e que ela já ocorreu, sem a existência de um nova prenuncia á nossa época atual nos evangelhos.

A Doutrina da Parúsia

A Segunda vinda sobre o ponto de vista moderno é caracterizado em si por três fatores importantes.

1º- Antes do Fim do Mundo ou dos Últimos Dias.

2º- Para o resgate dos fiéis

3º- E dar o castigo (fazer a justiça) destinado aos infiéis

– Todo este contexto num período este caracterizado por muitos como tribulação. Más se esbarra em três outros fatores.

1º- Sua segunda vinda na Petencostes (em espírito)

2º- Com a sua geração

3º- E sua segunda vinda simbólica (Na glória do Pai)

A Segunda Vinda em Espírito

Ascensão de jesus e a parusia

A parusia

Depois de sua ressurreição, a última vez que Jesus é visto por seus companheiros é na sua ascensão aos céus, que é registrado nos ATOS dos Apóstolos;

Onde se diz;

’’E, quando dizia isto, vendo-o eles, foi elevado às alturas, e uma nuvem o recebeu, ocultando-o a seus olhos. E, estando com os olhos fitos no céu, enquanto ele subia, eis que junto deles se puseram dois homens vestidos de branco. Os quais lhes disseram: Homens galileus, por que estais olhando para o céu? Esse Jesus, que dentre vós foi recebido em cima no céu, há de vir assim como para o céu o vistes ir. ’’ (Atos 1:9-11)

– Como vemos Jesus subiu para seu pai assim como tinha prometido em(João 20:17), e da mesma forma deveria voltar.

Partimos da idéia que Jesus não ressuscitou em corpo físico, aliás; depois de sua ressurreição, ele apreceu diante de seus apóstolos adentrando o recinto onde estavam, sem abrir as portas (João 20:26) e no caminho á aldeia de Emaús aperece de forma instantânea e depois desaparece diante de alguns de seus discipulos. (Lucas 24:31)

E assim despois de sua ascenssão retornou da mesma forma que subiu, em espírito e na época da pentecostes. Vamos ver:

‘’E aconteceu que, tornando eu para Jerusalém, quando orava no templo, fui arrebatado para fora de mim. E vi aquele que me dizia: Dá-te pressa e sai apressadamente de Jerusalém; porque não receberão o teu testemunho acerca de mim. E eu disse: Senhor, eles bem sabem que eu lançava na prisão e açoitava nas sinagogas os que criam em ti ‘’(Atos 22:17-19)

– Aqui Paulo desdobrado, fora de seu corpo pode ver Jesus, em Espírito no astral, e se tratando de uma segunda vinda ao mundo, sob o contexto literal bíblico, as religiões erraram feio, ou nunca leram corretamente esta passagem.

Naquela Geração

Volta de jesus ou parúsia

Volta de jesus ou parúsia

Para harmonizar esta via de pensamento com os evangelhos, vamos aqui desmitificar outras colocações feitas por Jesus e que é mal entendida e motivo até de chacota para os incrédulos algumas passagens dos evangelhos.

Como por exemplo de como o diabo em cima de um monte  pode-lhe mostrar todos os reinos do planeta (Lucas 4:5). ?

– O mundo ao qual Jesus referiu que deveria acabar, não representava todo planeta, pois as escrituras em muitos casos, usou o termo ‘’mundo’’ de forma limitada caracterizando como regiões. ver (Jeremias 51:49, Atos 17:6, Jeremias 51:41, e Isaías 14:16-17).

Segundo Jesus este mundo já pertencia ao diabo, que nada mais era do que a nação de Israel, o último reduto das revelações divinas e que infelizmente estava corrompida.

Arrebatamento antes da Tribulação

 

arrebatamento secreto igreja

arrebatamento secreto igreja

Antes do fim do antigo Reino de Israel, o evangelho deveria ser pregado ali. Estes reinos representavam não só todas as regiões pertencentes a Israel, mais também as nações pagãs ao redor, algo de ser vislumbrado de cima de um monte e não todos os reinos do planeta terra !

Após a morte de Jesus seus fies continuaram a pregar neste mundo, e antes de seu fim total no ano 135 dc, os fiéis foram resgatados ou “direcionado“ á partirem para outras paragens, zelando assim por suas seguranças e ao mesmo tempo pregando a boa nova, e nesta separação Jesus havia, prometido. ver (Marcos 13:27).

E isso se cumpre na época da igreja primitiva antes da guerra ou Grande Tribulação no ano 70, é só analisarem (Hebreus 1:14).

A Vinda do Messias e o Fim de Israel

Tribulação e ira deus

Tribulação e ira deus

“Disse-lhe Jesus: Se eu quero que ele fique até que eu venha, que te importa a ti? Segue-me tu.”

Divulgou-se, pois, entre os irmãos este dito, que aquele discípulo não havia de morrer. Jesus, porém, não lhe disse que não morreria, mas: Se eu quero que ele fique até que eu venha, que te importa a ti? (João 21:22e23)

– Portanto por uma falsa compreensão, muitos acreditavam que João jamais morreria, coisa que o apóstolo deixa esclarecido que a vinda de Jesus seria antes de sua morte, numa época próxima.

“Quando pois vos perseguirem nesta cidade, fugi para outra; porque em verdade vos digo que não acabareis de percorrer as cidades de Israel sem que venha o Filho do homem.” (Mateus 10:23)

– Esta passagem é mais explicita, e em (Mateus 16:28) se diz que muitos contemporâneos de Jesus não morreriam, até que ele voltasse.

Portanto de todos os lados sem distorcer nada, podemos afirmar positivamente que esta refutada a doutrina da segunda vinda, e se ele deve voltar como muitos querem um dia, biblicamente é terceira ou QUARTA, QUEM SABE A QUINTA, mas nunca a segunda !

Paulo mais tarde ainda pregou a doutrina da parúsia, que se cumpriu de forma simbólica como a mão divina em forma de justiça sobre a nação de Israel no ano 70 dc, e que na lógica era fruto de seu mal entendimento, para com a nova presença física do mestre entre os homens, coisa difícil de muitos entenderem, quando denotam todo o escrito sendo inspirado pelo próprio Deus.

Segunda Vinda e Transição Planetária

Volta Jesus na Tribulação

Volta Jesus na Tribulação

Agora quanto sua suposta nova vinda, Quem sabe ?

Quem de nós pode julgar, ou afirmar positivamente após estas provas acima?

“Eu, porém, vos digo que de maneira nenhuma jureis; nem pelo céu, porque é o trono de Deus;“ (Mateus 5:34)

Meditemos, né ?

Autor : Valter J. Amorim

—————————————————————

OBS: Não deixem de ler as postagem abaixo, para entenderem mais esta matéria, principalmente a da ‘’Grande Tribulação’’, abração a todos !



Postagens Relacionadas:

Os Últimos dias e o que diz a Bíblia realmente !

A Grande Tribulação e o Fim dos Tempos

Reino de Deus e o seu Tempo

O Mito do Arrebatamento de Corpos ao Paraíso

One comment to A segunda volta de Jesus e umas verdades inconvenientes

  • Jaime e Júlio  says:

    Boa tarde!

    Em parte, o autor do post foi muito feliz, em dizer que a segunda vinda de Jesus já é ocorrida, e principalmente que elas, são compostas de “CINCO VINDAS PESSOAIS” do Senhor. Embora, sua explicação sobre a segunda vinda, não condize com realidade dos fatos bíblicos; contudo, são raras as pessoas que enxergam e admitem isso. Parabéns, mesmo assim!

    A SEGUNDA VINDA DE JESUS:
    O termo “segunda vinda de Jesus”, está registrado nas Escrituras apenas uma única vez (Heb. 9:28), o qual, relaciona as vindas do Senhor, “com o pecado” (do povo), e não diretamente pela ordem das vindas. No entanto, as Teologias cristãs em geral, tem usado parte desse verso, para criar um dogma contrário a realidade bíblica. Isso, pode ser facilmente comprovado pela cronologia dos fatos bíblicos, conforme explicaremos a seguir:

    -A 1ª vinda de Jesus do céu à terra, antes da cruz: “com o pecado do povo”, ocorreu na plenitude dos tempos, quando se fez carne, conforme (Jo. 1:14). Aliás, sua primeira vinda foi exclusiva para tirar os pecados do seu povo (Mat. 1:21 – Heb. 9:28a).
    Nota: Embora Cristo tenha nascido, vivido e morrido sem pecado, a partir da queda de Adão, Ele automaticamente assumiu o pecado de toda a humanidade. (Gen 3:15 – Isa, 53:4 – 2Cor. 5:21).
    -A Segunda vinda do céu à terra, depois da cruz: “primeira vez sem o pecado” do povo, ocorreu oito dias depois da sua ressurreição em Galiléia.
    -E a sua próxima vinda: “a segunda vez sem o pecado” do povo, será “a sua terceira vinda pessoal à terra””, quando todo olho o verá, depois da aflição daqueles dias, conforme Mateus 24:29-30, e Hebreus 9:28.

    O DESDOBRAMENTO DOS FATOS PÓS-RESSURREIÇÃO DO SENHOR:
    Depois de sua morte e ressurreição, Jesus se apresentou no sepulcro à Maria (às Marias), e lhes disse que, iria subir ao céu (Jo. 20:17); ainda na manhã daquele primeiro dia, Ele se apresentou no cenáculo aos 10 discípulos Jo. 20:19 (Tomé não estava lá e Judas já estava morto), e à tardinha daquele primeiro dia, depois que partiu o pão na aldeia de Emaús, Cristo desapareceu diante de dois discípulos (Luc. 24:30-31, sendo “movido” – subindo ao céu diante de Deus, como primícias dos que dormem (1Cor. 15:20), exatamente ao dia seguinte do sábado, o primeiro dia da semana (domingo), data que eram movidas as Primícias diante de Deus no templo, segundo o estatuto de Moisés da lei das Primícias (Lev. 23:11 a 16).

    CRISTO FOI EXALTADO NO CÉU POR SETE DIAS:
    No céu, o Senhor foi glorificado (Fil. 2:9 a 11 – Apoc. 5:1 a 14), exaltado soberanamente pelo Pai e pelos anjos por um espaço de sete dias, voltando “segunda vez à terra”, ao oitavo dia em Galiléia, quando se apresentou aos seus 11 discípulos (Tomé já estava lá), conforme (João 20:26); participando com eles, que verdadeiramente havia recebido do Pai, naqueles dias no céu: “TODO O PODER NO CÉU E NA TERRA”. Mat. 28:16 a 20.

    Portanto, pregar uma segunda vinda do Senhor OUTRA VEZ, constitui num grave erro das Teologias cristãs pós-modernas, que também, neste tema, tem comido gato por lebre, não enxergando que a segunda vinda do Senhor, já aconteceu há 2.000 anos atrás; e que, a sua próxima vinda, será “A TERCEIRA”.

    Abraços,
    Jaime e Júlio – Escatologia R.B. Pré-milenista – E-mail: Jaime.ap@hotmail.com

Leave a reply